Rascunhos, Picture-in-Picture e mais

O Telegram substituiu a comunicação por e-mail empresarial para a muitos de seus usuários. Mas em um comunicador, muitas pessoas estão competindo pela sua atenção. As vezes elas interrompem você enquanto você está digitando uma mensagem importante, e você acaba esquecendo disso. Boas notícias! Com a última atualização, isso não é mais um problema.

Hoje o Telegram está introduzindo os Rascunhos. Mensagens não terminadas agora são claramente visíveis na lista de chats, e o chat com o rascunho não enviado será movido para o topo. E ainda melhor — todos os seus rascunhos agora são sincronizados entre os seus dispositivos. Agora você pode começar a escrever no seu celular e continuar de seu computador — exatamente de onde você parou.

Rascunhos na lista de conversas

Picture-in-Picture

No iOS, os vídeos do YouTube e Vimeo ganharam um novo botão no canto superior direito. Toque ali para encolher o vídeo e continuar assistindo enquanto realiza outras tarefas.

Você pode arrastar o vídeo minimizado pela tela, então ele não ficará na sua frente. O PiP estará disponível para todos os vídeos no Telegram em uma das próximas atualizações.

Reprodutor de vídeos Interno no Android

Usuários do Android gostarão do novo reprodutor de vídeos interno, disponível para Android 4.1 e superiores.

Novo reprodutor de vídeo interno para Android

…e mais

Além disso, o Telegram v.3.10 possibilita a você visualizar e inserir mais de uma foto de perfil para grupos, ao invés de apenas a última. O belo botão “Rolar para baixo” com um contador de mensagens não lidos também chegou ao Android e Telegram Desktop.

Novo contador de mensagens não lidas

O Telegram também melhorou o design entre todos os dispositivos. O Telegram Desktop agora possui belos botões azuis circulares de mensagens não lidas, e páginas de perfis completamente renovadas.

O Telegram está trabalhando duro para expandir as fronteiras do que você pode fazer com um mensageiro. Fique ligado para mais atualizações em breve!

Equipe do Telegram,
14 de junho de 2016